Esposa de prefeito de Tamandaré é a patroa autuada pela morte do menino que caiu de prédio

Sari Gaspar Corte Real, esposa do prefeito de Tamandaré (PE), Sérgio Hacker (PSB), que até então teve a sua identidade mantida sob sigilo pela Polícia Civil, é a empregadora da mãe do menino Miguel Otávio Santana da Silva, de 5 anos, que morreu ao cair do 9º andar de um edifício de luxo no Recife.

A mãe do garoto, Mirtes Teixeira, confirmou à imprensa a identidade dos patrões, porém, o prefeito, Sérgio Hacker não quis se pronunciar.

Para a polícia, Sari agiu com negligência quando deveria estar cuidando da criança e por isso responderá por homicídio culposo. Sem ter com quem deixar Miguel, a mãe dele, Mirtes Teixeira, o levou para a casa da patroa na terça. Mas enquanto ela passeava com o cachorro, a criança ficou agitada e tentou encontrá-la. Imagens mostram quando Sari aperta o botão do elevador, que estava no quinto andar, e deixa a criança só no aparelho. Pouco depois ele caiu do nono andar. O garoto chegou a ser socorrido ao Hospital da Restauração, mas já chegou sem vida.