Pedido emergencial para uso da vacina Sputnick V é declarado para Anvisa

0
Foto reprodução: Google

Nesta quarta-feira (13), a farmacêutica União Química e o Fundo Russo de Investimento Direto (RDIF), vão enviar um pedido para a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) o uso emergencial da vacina russa Sputnick V contra o Covid-19.

O pedido para ser feito testes em humanos no Brasil foi mandado á Anvisa dia 29 de Dezembro e até agora não foi aprovado, e para conseguir a autorização é preciso estar em fase 3 de testes no país.

Segundo as informações da empresa, a vacina foi aprovada para uso emergencial em outros países, incluindo “Argentina, Bolívia, Argélia, Sérvia e Palestina”.