Bilhete Único: Prefeitura cumprirá decisão do TJ e volta para quatro o número de integrações

O Bilhete Único na modalidade Vale-Transporte volta a dar direito efetivamente a quatro embarques em três horas, em vez de dois embarque em três horas, a partir desta segunda-feira, 10 de junho. O anúncio foi feito pela prefeitura de São Paulo no início da noite deste domingo, dia 9.

A gestão municipal informou ainda que a modalidade, cuja tarifa tinha sido divulgada em R$ 4,57 volta a R$ 4,30. 

Confira a nota da prefeitura na íntegra:

”Em cumprimento à decisão recente do Tribunal de Justiça de São Paulo, a PMSP informa que, a partir da 0h desta segunda-feira, 10/06, após o período necessário para mudança no sistema dos validadores dos 15 mil ônibus, o sistema de Vale-Transporte sofrerá alterações.

Os usuários do sistema poderão realizar até 4 embarques em ônibus diferentes no período de 3 horas ao valor de R$ 4,30.

A Prefeitura de São Paulo informa ainda que está recorrendo da decisão, uma vez que ela representa um gasto adicional de R$ 650 milhões por ano para subsidiar, com dinheiro da população de São Paulo, uma obrigação que cabe às empresas”.

A medida cumpre decisão da juíza Simone Gomes Rodrigues Casoretti, da 9ª Vara da Fazenda Pública, do dia 27 de maio de 2019, que atendeu ação movida pelo Idec – Instituto de Defesa do Consumidor e pela Defensoria Pública de São Paulo.

Fontes: Prefeitura de São Paulo e Noticiando