Consórcio consegue apoio do Governo Federal para piscinão contra enchentes no Grande ABC

Ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto prometeu buscar alternativas para projeto de reservatório na divisa entre São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul e São Paulo

Pauta antiga do Consórcio Intermunicipal Grande ABC, a construção do Piscinão Jaboticabal, que trará impacto regional no combate às enchentes, terá apoio financeiro do Governo Federal. A informação foi repassada pelo ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, aos prefeitos das sete cidades, que estiveram no Palácio dos Bandeirantes na manhã desta quarta-feira (14/3) para um segundo debate com o governador João Doria sobre ações que minimizem os impactos das chuvas na região.

O ministro afirmou que a pasta federal vai avaliar a possibilidade de utilização de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço(FGTS) para a construção do reservatório. Canuto também disse que outra opção para tirar o projeto do papel é a obtenção de linhas de crédito para investimento nas obras e em desapropriações.

“Vamos buscar todas as alterativas viáveis para esse pleito antigo e necessário para a região”, afirmou o ministro.

A construção do Piscinão Jaboticabal nas proximidades da Rodovia Anchieta e na confluência entre os ribeirões dos Couros e dos Meninos, na divisa entre São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul e São Paulo, é uma demanda antiga do Consórcio. O custo de implantação é estimado em R$ 392,8 milhões, beneficiando 931,9 mil habitantes da região. O reservatório terá capacidade para receber 900 mil metros cúbicos de água.