Apontado como funcionário fantasma Cezar de Carvalho deixa Governo de São Paulo

0

O presidente do PSDB de Ribeirão Pires, Cezar de Carvalho nega a acusação anônima que seria funcionário fantasma da Secretaria de Governo do Estado de São Paulo.
O tucano estava lotado oficialmente como assessor na Secretaria de Governo Geraldo Alckmin e foi exonerado  a partir do dia 27 de março.
Segundo Cezar de Carvalho, ele pediu exoneração para preservar o Governo de São Paulo.  ” Tenho provas que nunca fui funcionário fantasma e toda e qualquer denúncia o  Palácio dos Bandeirantes tem como prática  investigar o fato. Por isso, estou tranquilo”, afirmou o tucano.
Nomeado em cargo apadrinhado como assistente técnico 3, Cezar recebia salário de R$ 5.421,82 por mês. O tucano é aliado do ex-secretário Edson Aparecido (PSDB, Casa Civil), e integrava o governo do Estado desde meados de 2011.
No bastidor político da cidade circula que a denúncia tenha sido feita por integrantes do governo do prefeito Kiko Teixeira (PSB) , já que Cezar é o principal advogado da ação do ex vice-prefeito e candidato , Dedé da Folha (PPS) que pede a cassação do mandato de Kiko.