Artigo: Força Mauá!

0

Por Gerson Moura

É necessário governar com excelência, jamais com o fígado!!! | Paira uma crise política que necessita ser estancada, evitando o atraso social, econômico, político e principalmente o institucional. Há um reflexo negativo, causando em um pequeno espaço de tempo, a falta de confiança da sociedade e dos futuros empreendedores, que acreditam no potencial da cidade.

A longo dos anos, Mauá cresceu, seu povo lutou, a cidade evoluiu, agora, com todos os acontecimentos ela poderá perder um capital, que com duras penas conquistou, não se trata apenas de investimentos, mas sim da credibilidade. Em 2017 ficamos entre as cidades que mais evoluíram no que se refere a Cidades Inteligentes, despontando nos seguintes seguimentos: Meio Ambiente, Segurança Pública, Urbanismo e Governança, hoje, figuramos apenas em Meio Ambiente, ainda assim, muito além do esperado. Como regredimos!

O desafio é grande, e tenho convicção que não será em curto prazo que a cidade retornará para a “prumo”, que jamais deveria ter saído. Não importa a decisão jurídica-política ou política-jurídica.

Para Michel Foucault, o poder está na contramão de certas análises que parte de instância estatal, ou seja, de cima para baixo ou do centro para a PERIFERIA. É necessário inverter a ordem e pensar o poder a partir de suas localidades e do povo.

Não existe mágica que resolva o atual problema, mas é possível minimizar os danos, aplicando políticas públicas fundamentais, através de um planejamento estratégico focado, objetivo e com muito foco.

Força Mauá!!!