terça-feira, fevereiro 27, 2024
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

top 5 da semana

spot_img

posts relacionados

Protagonista de Outdoors no passado, Metrô no ABC, volta ser promessa de campanha

O metrô no ABC foi um dos principais protagonistas de outdoors e materiais gráficos de políticos com pretensões eleitorais no passado e, agora volta a ser promessa de campanhas de candidatos do ABC.

A primeira-dama de São Bernardo do Campo, Carla Morando (PSDB), candidata a deputada estadual, voltou a prometer o que o marido já havia prometido há alguns anos, a implantação do Metrô no ABC. De acordo com a candidata,  João Doria (PSDB) o candidato a governador de São Paulo , firmou o compromisso em sua cidade.

“No Grande Encontro Político que aconteceu em São Bernardo, o candidato ao Governo de São Paulo, João Doria, firmou conosco o compromisso de concretizar a linha 18 do metrô, caso eleito. A nossa população merece mais eficiência e rapidez no transporte e vou lutar por isso na Assembleia Legislativa“, explicou Carla em suas redes sociais.

 O candidato a deputado federal, Ailton Lima (PSD) também falou do Metrô na região em entrevista dada à ECO TV. Um telespectador perguntou se o Metrô chegaria ao ABC, caso fosse eleito.

“Fica mais fácil. Quando você ouve falar das emendas parlamentares, dentro do bolo do orçamento, um deputado pode encaminhar em média R$ 80 milhões para sua região. O metrô é um desafio,e eu acho vergonhos ele não ter chegado até aqui, pois falta representatividade”, explicou.

O candidato a deputado estadual pelo PR, Thiago Auricchio defende a mudança o BRT como alternativa ao Metrô da linha 18.

“Esse modelo é um sucesso na Região Metropolitana de Curitiba e atende uma população similar ao que temos no ABC. Fora isso, é um meio mais rápido e mais barato para colocar em prática”, pontua.

A Linha 18 teria 13 estações numa extensão de 15,7 km e ligaria São Bernardo, Santo André e São Caetano à Estação Tamanduateí, se quer saiu do papel. Licitado em 2014 pelo governador Geraldo Alckmin, através de 
de PPP (Parceria Público-Privada) com o Consórcio Vem ABC, não houve início da obra.

Em março de 2018, Alckmin afirmou que o metrô não era prioridade do governo.

“É uma questão estritamente financeira porque não conseguimos recurso federal e dependemos de verba para poder tocar. O que estamos priorizando neste momento são as entregas”, Justificou Alckmin na época..

A propagando do Metrô na região como uso eleitoral foi destaque na imprensa em 2014. Uma matéria feita pela TV Gazeta reporta o fato, veja.

Bastidor Político
Bastidor Políticohttp://www.bastidorpolitico.com.br
Redação do site Bastidor Político. Veículo criado em 2016 com intuito de levar os bastidores da informação.

Popular Articles