Decisão do Instagram de não mostrar curtidas é ‘barrar quem pensa diferente’, diz Carlos Bolsonaro

O Instagram começou  a testar o fim das curtidas no Brasil a partir nesta quarta-feira (17). A medida foi criticada pelo  filho do presidente, Jair Bolsonaro (PSL), o vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro (PSC).

Para Carlos, a decisão do Instagram tem o objetivo de ‘barrar o crescimento dos que pensam de forma independente’.

O 03 – como é chamado pelo pai- é considerado o comandante das ações de redes sociais do presidente e coordena ataques cibernéticos a pessoas e instituições contrárias ao governo.