Secretário Daniel Córdoba coordena plano de ação após enchentes

0

O Prefeito José Auricchio Jr, após declarar situação anormal e de emergência nas áreas afetas pela enchente em São Caetano, nomeou o Secretário de Assistência e Inclusão Social, Daniel Córdoba, como Presidente da Comissão de Controle, Avaliação Social e de Auxílio à População Vítima de Enchente, Desastres Naturais e Outros Fenômenos da Natureza no Município de São Caetano do Sul, afim de acelerar as ações sociais e de recuperação da cidade após as enchentes.

A tempestade que se iniciou às 18h do último domingo (10) e terminou as 5h30 da manhã de segunda-feira, trouxe uma enorme devastação em toda região do ABC. Em São Caetano os bairros Fundação, Centro, Prosperidade, Jardim São Caetano e São José foram os mais afetados. Em grande parte, a água invadiu as casas a quase dois metros de altura, cerca de mil famílias perderam móveis, carros, eletrodomésticos, roupas, objetos pessoais, alimentos, entre outros.

Córdoba esteve com o Corpo de Bombeiros e GCM nos bairros atingidos na madrugada de domingo (10) em socorro de vítimas, organizou com as Secretarias Municipais um plano de emergência para atendimento das famílias.

A operação social, que contou com o apoio do Tiro de Guerra de São Caetano, igrejas, ONGs, agentes da GCM, profissionais da prefeitura e centenas de voluntários, entregou mais de 10 toneladas de alimentos, alem de água, roupas e calçados, kits de limpeza, kits de higiene pessoal, colchões e cerca de 2 mil refeições por dia. Os assistentes sociais e agentes de saúde visitaram centenas de casas, realizando o inventário dos danos provocados pela chuva e o credenciamento das famílias para receberem os benefícios sociais.

“Em nome do Prefeito Auricchio, quero agradecer aos moradores da cidade, e principalmente aos doadores, voluntários e os agentes da prefeitura, que estão colaborando, sem medir esforços nos ajudando a minimizar os efeitos dessa crise. Reconhecemos os esforços de cada um, e tenho a certeza que venceremos mais essa situação triste com o apoio e solidariedade de todos.” Concluiu Córdoba