Motoboy pede ajuda em novo caso de violência da PM: “Não consigo respirar”

Quatro policiais foram flagrados em vídeo, divulgado hoje nas redes sociais, dominando um homem que participava de manifestação em apoio à greve marcada pelo SindimotoSP (Sindicato dos mensageiros, motociclistas, ciclistas, mototaxistas intermunicipal do estado São Paulo).

Na gravação, três agentes rendem o motoboy e deitam-se sobre seu corpo, já imobilizado, no jardim de um imóvel na avenida Rebouças, região central de São Paulo. Enquanto isso, um outro policial, de arma em punho, tenta afastar a população que gravava a ação.

Nas cenas, é possível ouvir o homem dizer: “Não consigo respirar! Não consigo respirar!”.

“Olha a polícia aí ó, rapaziada do Brasil, olha como é a polícia do nosso país. Vai matar o cara aí”, diz o homem que fez a gravação. Uma viatura da PM, de número M-23116 também aparece no vídeo.

As imagens estão sob posse da Corregedoria da PM, que vai analisar o conteúdo. “Pelo visto nas imagens, foi uma abordagem abusiva, excessiva, foi utilizada a força de forma desnecessária. O rapaz aparenta não ter cometido nenhum crime, e estaria ali discutindo com os policiais, que já partem para a violência”, disse Ariel de Castro Alves, conselheiro do Condepe (Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana).