HardCore Contra o Fascismo: ato acontecerá neste domingo em São Paulo

Neste domingo (01), acontecerá no Largo da Batata, em São Paulo, mais um ato do “HardCore Contra o Fascismo”.

Debates, palestras e apresentações musicais marcarão o ato. Quem quiser, também poderá estampar sua camiseta com o logo, gratuitamente.

Confira as atrações:

  • Crexpo
  • Deb and The Mentals
  • Amorf
  • Desacato Civil
  • Punho de Mahin
  • Vendetta
  • W-yo + Calibre 12
  • Ravel
  • Antilhano
  • Vozes Incômodas
  • Test
  • Molho Negro

Palestrantes:

  • André Godinho
  • Caio (Desalmado):
  • Rodrigo (Dead Fish)
  • Bnegão

Um ato de todos, para todos

“O Hardcore Contra o Fascismo não é um show, é um ato. Aqui, nós nos expressamos politicamente para que as nossas vozes sejam ouvidas e lembradas, deixando claro a mensagem por trás da música de que somos contrários a essa política nefasta de destruição, ódio e morte.

Por isso, compareça com bandeiras, faixas e camisetas que simbolizem essa mensagem, para que fique claro para todos que o que estamos fazendo neste domingo é um protesto. Compartilhe seus ideais, troque ideias, exponha suas opiniões e tenha a cabeça aberta para ouvir o que o outro tem a dizer – vamos transformar o Largo da Batata em um espaço de movimentação e articulação política, onde encontraremos juntos soluções para enfrentar os nossos algozes.

Não seja apenas um ouvinte: ajude a construir um movimento mais forte. Vai chover e você tem uma lona em casa ou qualquer material que pode ajudar a manter o ato rolando? Traga isso com você. Acrescente algo ao ato! Monte sua banquinha com zines e flyers, faça panfletagem, se movimente e seja ativo. O faça-você-mesmo exige ação e comprometimento, pois tem muita gente aí pronta para falar, mas é necessário agir e sair da inércia para mudar as coisas.

Tenha consciência de quem somos e vamos nos unir. Violência e intolerância entre nós, como atos racistas, machismo, homofobia e transfobia, não terão espaço.

Esse é o momento de fazer as nossas vozes serem ouvidas”, texto retirado das redes sociais do movimento.