Após Doria anunciar retorno as aulas em setembro, APEOESP lança abaixo assinado contra

O governo do Estado de São Paulo anunciou em coletiva de imprensa que a retomada das aulas presenciais nas redes públicas e privadas, após o período de suspensão devido à pandemia de Covid-19, deve ocorrer em 8 de setembro. A data é uma estimativa e depende de outras condições, sendo a principal delas, que 100% dos departamentos regionais de saúde do Estado estejam há 28 dias na fase 3-amarela do plano de abertura divulgado pelo governo estadual.

O Sindicato dos Professores do Estado de São Paulo ( APEOSP), lançou Abaixo Assinado contrário a proposta do Governo de São Paulo.

A nota intitulada “Não haverá retorno volta as aulas sem redução drástica da pandemia e sem garantia de segurança sanitária para a Comunidade Escolar”, apresenta uma série de reivindicações para a classe.

“No momento em que nosso país se aproxima de 50 mil mortes por Covid-19, sendo o estado de São Paulo o epicentro da pandemia no Brasil, é de uma inaceitável irresponsabilidade e precipitação debater a volta às aulas presenciais. Defendemos que qualquer decisão nesse sentido seja validada em conformidade com os protocolos científicos aceitos internacionalmente. E nada menos do que isso”, diz parte da nota.

link do Abaixo Assinado: http://www.apeoespcadastro.org.br/APW30/w_enquetes/enquete.php?id=641

Nota Completa