Câmara rejeita parecer do TCE e aprova contas de Gabriel Maranhão

Vereadores seguiram o parecer do comissão de Constituição e Justiça

Por 11 votos a 2 a Câmara Municipal de Rio Grande da Serra, rejeitou o parecer do TCE – Tribunal de Contas do Estado- e aprovou as contas do prefeito, Gabriel Maranhão (sem partido).

Apenas os vereadores Benedito Araújo (PT) e Akira Auriani (PSB) votaram contra o prefeito. Os demais vereadores seguiram o parecer da Comissão e Justiça da Casa que analisou o parecer e deu encaminhamento contrário ao TCE.

De acordo com os bastidores, o voto do vereador Akira, que faz parte da base de apoio do prefeito Maranhão- teve influência do prefeito de Ribeirão Pires Kiko Teixeira (PSB). Akira  foi assessor de Kiko no Consórcio Intermunicipal do Grande ABC e tem afinidade política com o ex-prefeito de Rio Grande da Serra.

Atualmente, Gabriel Maranhão tem se distanciado de Kiko, e aproximado do prefeito de Maua, Átila Jacomussi.