Pelo terceiro dia consecutivo Brasil lidera quadro de medalhas dos Jogos Parapan 2019

Com a maior delegação dos Jogos e recordes na bagagem, número de medalha do país já ultrapassa 100

Com apenas três dias de Jogos Parapan-Americanos 2019 em Lima, no Peru, a delegação brasileira já se destaca e não só pelo maior número de participantes no evento (cerca de 500 participantes entre atletas e equipe técnica) ou pelos recordes batidos (dois na modalidade atletismos apenas no primeiro dia).

O Brasil fechou a última segunda-feira em primeiro lugar no ranking de medalhas, 121 no total. Os brasileiros mostraram durante esse início de jogos muita garra e competência colocando na mala: 41 medalhas de ouro, 39 prata e 41 bronze.

A Secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão, está acompanhando de perto as vitórias brasileiras e destaca que “o esporte é uma das maiores ferramentas de inclusão e dar suporte para que as pessoas com deficiência possam se utilizar dessa ferramenta, é fundamental”.

Uma das ferramentas a que a Secretária se refere é o Time São Paulo Paralímpico, ação do Governo do Estado de São Paulo, conduzida pela pasta de Célia Leão, que visa incentivar atletas com deficiência de alto rendimento à prática do esporte paralímpico. Dos atletas do time, 44 foram convocados e estão em Lima.

O nadador Daniel Dias é um dos atletas do Time São Paulo nadou nesta segunda-feira e com a conquista de mais um ouro nos 50m livre masculino, classe S5, totalizou 29 medalhas de ouro em Parapan-Americanos. Essa foi a sua segunda prova dele em Lima.

A estreia ocorreu na noite do domingo, com os 50m costas, também levando ouro. Na conquista desta segunda, aplicou quatro segundos de diferença para Miguel Narvaez, colombiano, segundo colocado.

A competição se encerra no domingo, dia 1º de setembro, e já estamos isolados na liderança, os Estados Unidos estão em segundo, com 80 medalhas.