Nomeação de Sergio Camargo para Fundação Palmares é barrada pela justiça

A Justiça do Ceará suspendeu a nomeação de Sergio Camargo como presidente da Fundação Palmares pelas manifestações racistas. A Fundação é a entidade responsável pela promoção da cultura afro-brasileira no país. A decisão do juiz Emanuel José Matias Guerra, da 18ª Vara Federal, vem em resposta a uma ação popular. Sergio Camargo afirmou que no Brasil não existe racismo real e que o movimento negro precisa ser extinto.