Mulher aciona botão do pânico e GCM de Santo André prende ex-companheiro no bairro Centreville

0

Patrulha Maria da Penha chegou ao local da ocorrência em poucos minutos graças à utilização do aplicativo “Ana”

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Santo André atendeu, na noite deste domingo (23), um chamado de uma mulher vítima de violência doméstica no bairro Centreville. A vítima acionou a Patrulha Maria da Penha por meio do aplicativo “Ana”, que simula um botão de pânico e envia o pedido de auxílio diretamente para a GCM.

As viaturas foram até a residência da vítima e, quando chegaram ao local, o agressor havia fugido. A partir daí os agentes de segurança municipal passaram a realizar a busca deste homem nas imediações da residência da ex-companheira.

Os guardas localizaram o agressor na região e o conduziram ao 6º Distrito Policial de Santo André, na Vila Mazzei. 

Botão do pânico – O aplicativo “Ana”, desenvolvido por um Guarda Civil Municipal da cidade de Paulínia, no interior paulista, foi disponibilizado gratuitamente para Santo André e é utilizado exclusivamente por mulheres que possuem medidas protetivas vigentes e que são atendidas pelo programa Patrulha Maria da Penha.

Nas situações de risco à integridade física destas mulheres, a vítima aciona um botão desta ferramenta e um alarme soa na sede do COI (Centro de Operações Integradas) da Prefeitura e também na sede da GCM, dando agilidade no atendimento de ocorrências desta natureza.