Comissão ouve vítimas da ditadura em Santo André

A Comissão Provisória formada na Câmara de Santo André para resgatar a memória das vitimas da ditadura realiza a primeira oitiva no próximo dia 21. A sessão terá o apoio do Centro de Memórias e Atualidades (IMA). Cerca de 30 pessoas que enfrentaram problemas durante o estado de exceção implantado no Brasil darão seus testemunhos. O vereador Eduardo Leite, presidente da comissão, destaca que o objetivo dos trabalhos “é construir uma narrativa sobre a violência e as práticas repressivas que ocorreram durante a ditadura, demonstrando para as novas gerações as escabrosidades pelas quais o nosso país foi submetido”. E complementa: “Temos que descontruir algumas tentativas de renegar esse passado”. Também compõem a comissão os vereadores Tonho Lagoa, Lucas Zacarias e Scarpino Defensor. Quando: 21 de agosto (quarta-feira)
Horário: 19h
Onde: Museu de Santo André (rua Senador Fláquer, 470 – Centro)