Chico do Judô morre de covid-19 aos 70 anos

0

O ex-vereador Chico do Judô (sem partido) faleceu nesta quarta-feira (24/2), vítima de covid-19, aos 70 anos. Ele estava internado no Hospital do Rim, em São Paulo, lutando contra a doença há algumas semanas. A informação foi confirmada por amigos da família.


Chico precisou ser intubado para combater o vírus e havia a expectativa de ser extubado ainda nesta semana. O ex-parlamentar, que fez um transplante renal em novembro do ano passado, também enfrentava problemas de fígado.


Com cinco mandatos de vereador e longa folha de trabalho tanto na Federação Paulista de Judô quanto na Câmara, o ex-parlamentar é unanimidade entre os vereadores e tem portas abertas entre os partidos.
Já dentro da carreira do esporte, Chico recebeu uma homenagem e um prêmio no ano passado pelo bom trabalho que faz na Federação Paulista de Judô. Com o apoio de Chico, desde 2005 um número expressivo de judocas paulistas foi a Montreal, a maior cidade da província de Québec, no Canadá para fazer um intercâmbio com atletas que treinam no local.


A iniciativa partiu Chico quando ainda era presidente da Federação Paulista de Judô. Na época, ciente da força e do prestígio do trabalho desenvolvido pelo professor paulista Sérgio Pessoa no Canadá, decidiu iniciar o intercâmbio entre os atletas.


Chico chegou até a receber uma homenagem do Judô Québec, entidade máxima do judô na província, pela parceria que construíram. A homenagem ocorreu durante a cerimônia de abertura do Québec Open 2019. A placa foi entregue por Patrick Kearney, presidente do Judo Québec, com o apoio de Jean-François Marceau, diretor geral da entidade.


Atualmente Chico disputava o pleito para presidência da CBJ (CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE JUDÔ).